Acusado pela morte do ator Rafael Miguel, de 22 anos, e dos pais dele, o comerciante Paulo Cupertino Matias, de 48 anos, que era sogro do jovem, está foragido.

Segundo a polícia, ele matou os três a tiros quando eles foram à casa da jovem, no bairro da Pedreira, em São Paulo, conversar sobre o relacionamento do casal.

O assassino não aceitava o relacionamento do rapaz com sua filha, Isabela Tibcherani, de 18 anos, de acordo com testemunhas.

O ator e seus pais, João Alcisio Miguel, 52, e Miriam Selma Miguel, 50, aguardavam no portão da casa da garota quando Paulo chegou atirando na direção deles, segundo vizinhos.

Nas redes sociais, a namorada de Rafael, Isabela, se manifestou pela morte do amado. “Só queríamos ser livres pra amar, sem medida. Queríamos explorar o mundo e explorar a vida. Crescer, lado a lado, como um só”, declarou.

Rafael interpretou o personagem Paçoca, na novela “Chiquititas”, do SBT, e ficou conhecido ao estrelar um comercial em que pedia brócolis para a mãe em um supermercado (assista abaixo). Ele também participou das novelas “Pé na Jaca” e “Cama de Gato”, na TV Globo.

Eu vou honrar nossa história, vou realizar nossos sonhos, todos que eu puder! Vou conhecer Boston, vou ler sua saga favorita, assistir a melhor série que te fez feliz nos últimos tempos.

Vou fazer o mundo ver você por quem você é! Um herói. Meu herói. E eu sempre serei sua babyzita, sua sunflower, sua ladybug, sua esposa.

Eu vou lutar cada dia, sem parar, por nós dois. Me perdoe se eu não disse vezes suficiente que te amo, se briguei com você por bobagens.

Você me fez amar os gatinhos, você me mudou desde o primeiro instante, me fez ser mais doce. Me deu a capacidade de ser mais amável.

Eu jamais amei alguém como amo você. E jamais amarei outro. You’re the one. My husband, my angel, my king. E como nossa frase diz e será eternizada ‘Together. Always’. Eu te amo!”.

Foto: reprodução