Carolina Carradore
Tubarão

O ministro do trabalho Carlos Lupi trouxe boas notícias para Tubarão. Em visita a cidade ontem, quando inaugurou a nova sede do Sistema Nacional de Emprego (Sine), ele garantiu aumentar o número de auditores fiscais ainda esse ano. A promessa foi uma resposta ao pedido feito pelo diretor do Sindicato dos Comerciários de Tubarão, Ricardo Alves.

O sindicalista entregou um documento ao ministro, onde reivindica, principalmente, a criação de uma gerência do Ministério do Trabalho (MT) em Tubarão. Hoje, a cidade conta com uma agência regional do órgão e apenas um único auditor fiscal trabalha no local.

“São 80 mil empregados distribuídos em 20 mil empresas que dependem e utilizam os serviços desta agência. Precisamos urgente de mais fiscais”, pediu Ricardo. Lupi ponderou que seria necessário um estudo mais detalhado para transformar a agência do MT em gerência, mas garantiu à classe trabalhadora que realocará auditores de outras cidades para compor o quadro funcional de Tubarão.
Segundo Ricardo, a fiscalização do cumprimento das leis trabalhistas na cidade é falha. Uma denúncia, por exemplo, demora mais de um ano para ser investigada.

Mais comodidade ao trabalhador

O ministro do trabalho, Carlos Lupi, chegou às 8h50min no novo posto de atendimento do Sine de Tubarão, ontem, e sobrevoou o trecho sul da BR-101. “Percebi que há um transtorno no trânsito. Vou comentar com o ministro dos transportes (Alfredo Nascimento)”, prometeu.

Ao lado do prefeito Manoel Bertoncini (PSDB) e da secretária estadual de assistência social, trabalho e habitação, Dalva Dias, enfatizou o crescimento do país. “Nos quatro primeiros meses do ano, o Brasil gerou 950 mil empregos formais. Estamos em crescimento e isso é bom, quero ver o povo brasileiro trabalhando”, comemorou.

O Sine de Santa Catarina passa por um processo de adaptação, que inclui a instalação de computadores de última geração, renovação da frota de veículos, substituição do mobiliário, além de reformas e ampliações. Em Tubarão, a nova sede funcionará na rua Coronel Cabral, próximo a agência central dos Correios.