Amanda Menger
Jaguaruna

Os funcionários públicos de Jaguaruna receberão 5% de aumento já na folha de pagamento deste mês. O percentual é menor do que a inflação em 2008, cujo índice ficou em 6,48%. Os servidores não ficaram satisfeitos com o repasse. “E com razão. Para os funcionários, o aumento é de 5%, mas o prefeito Inimar Felisbino Duarte (PMDB) ganhará 40% no seu vencimento. Ele nem quis discutir com os funcionários. Depois de muita insistência, ele falou com uma comissão de vereadores, disse que não iria rever o índice e que tinha planos para os servidores, mas não especificou nada”, reclama o vereador Alício Bittencourt (PP), vice-presidente da câmara.

No fim de março, os vereadores aprovaram o aumento de 40% no salário do prefeito, vice e secretários, e de 64% no de diretores das secretarias da prefeitura. Segundo Inimar, o novo reajuste, de 5%, não incidirá sobre os salários dos comissionados, prefeito e vice. “O índice que utilizamos como referência para o repasse as perdas da inflação é o Índice Geral de Preços (IGP), que deu em 2008, 5,82%.

O que eu combinei com representantes do sindicato dos funcionários é que agora vamos dar 5% de aumento. Se o governo federal confirmar a compensação dos valores que deixamos de receber com o Fundo de Participação dos Municípios (FPM), aí poderemos dar mais um aumento, de 3% até 5%, em setembro ou outubro”, explica Inimar.
O prefeito rebate as críticas relativas ao aumento dado ao seu próprio salário. “O aumento do meu salário será válido para os quatro anos de mandato, como já foi na gestão anterior. Até o fim da minha administração, quero dar o mesmo aumento aos servidores”, assegura o prefeito.

Os salários
O prefeito recebia bruto até março R$ 7,5 mil, passou para R$ 10,5 mil bruto.
O vice recebia bruto em torno de R$ 5 mil, passou para R$ 7,5 mil.
Os secretários recebiam bruto R$ 2,1 mil, passaram para R$ 3,01 mil.
Os diretores recebiam bruto R$ 1.054,00, passaram para R$ 1.470,00.