Enquanto o encontro com o Dnit não ocorre, a situação do morro do Formigão, em Tubarão, continua assim, sem definição. Por outro lado, o túnel do morro Agudo, em Paulo Lopes, está finalizado e liberado para testes
Enquanto o encontro com o Dnit não ocorre, a situação do morro do Formigão, em Tubarão, continua assim, sem definição. Por outro lado, o túnel do morro Agudo, em Paulo Lopes, está finalizado e liberado para testes

Angelica Brunatto
Tubarão

 
Indignação é a palavra que define o sentimento dos representantes da Frente Parlamentar em Defesa da Conclusão das Obras da BR-101 sul. Eles ficaram de braços cruzados, ontem, em Brasília, à espera do diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), general Jorge Ernesto Fraxe, que não apareceu. 
 
A justificativa foi a de que o general havia sido convocado para uma reunião do Comitê Gestor do PAC (CGPAC). “Ao sermos informados do cancelamento, nos disseram que não havia uma nova data”, revela o deputado federal Ronaldo Benedet. 
 
Depois de muita insistência, e com ajuda do líder do PMDB na câmara dos deputados, Henrique Eduardo Alves, e do ministro dos transportes, Paulo Sérgio Passos, a comitiva conseguiu agendar uma nova reunião.
O novo encontro deve ocorrer hoje, às 10 horas. “Estamos impacientes. Não é mais possível tolerar”, desabafa o prefeito de Laguna, Célio Antônio (PT).
 
Caso a reunião não seja positiva, ou não ocorra novamente, medidas mais drásticas devem ser tomadas. “Vamos procurar a presidenta Dilma Rousseff (PT). Queremos saber se ela sabe o que está ocorrendo. O Dnit não tem soluções”, lamenta o deputado Benedet.
 
Os catarinenses esperam que a ordem serviço seja logo entregue para o consórcio Camargo Corrêa/M. Martins/Construbase, vencedor da ordem de serviço para a construção da ponte sobre o canal de Laranjeiras, na comunidade de Cabeçuda, em Laguna.
 
Eles também têm expectativa de que haja a homologação das pistas complementares, antes e após a nova ponte, em Laguna.
 
Outros assuntos
Outro assunto que deve estar na pauta da reunião do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) com a Frente Parlamentar em Defesa da Conclusão das Obras da BR-101 Sul é a nova licitação para a construção do túnel sob o morro do Formigão, em Tubarão. Na anterior, as concorrentes foram consideradas inaptas. Além disso, ainda resta a concorrência para a supervisão de todas as obras remanescentes, cujo edital foi revogado cerca de um mês após lançado.
 
Túnel do Agudo é aberto
Dnit/Divulgação/Notisul
 
De forma gradativa, a passagem pelo túnel do morro Agudo, em Paulo Lopes, foi aberta ontem para testes operacionais. 
Até o fim da semana, os motoristas devem ter atenção ao trafegar na localidade. Hoje, a pista deverá ser novamente aberta, entre 14 e 17 horas. Amanhã, será até as 18 horas.
Mesmo sem ser inaugurado de forma oficial, o túnel deve será liberado totalmente nesta sexta-feira, após uma avaliação do Dnit. A passagem faz parte das obras de duplicação da BR-101 sul, e será monitorado 24 horas por dia, por um sistema de controle automatizado, que monitora o tráfego, a segurança e a iluminação.  
Foram investidos R$ 62 milhões na construção do túnel, que possui 1.014 metros de extensão.