Zahyra Mattar
Tubarão

As obras de asfaltamento e prolongamento da avenida Pedro Zapellini, em Tubarão, iniciaram em 17 de junho do ano passado. Com um custo total avaliado em quase R$ 2,7 milhões, pagos com recursos do próprio município, a previsão era de que os trabalhos fossem terminados em quatro meses, ou seja, outubro. Ainda no ano passado, a obra sofreu atrasos e um novo prazo foi estipulado: dezembro de 2008.
Porém, as chuvas entre o fim do ano passado e janeiro deste fizeram com que o tempo de conclusão fosse previsto para fevereiro deste ano. A obra completou um ano neste mês e ainda serão necessários mais 40 dias para ficar pronta. O novo prazo foi anunciado pelo prefeito Manoel Bertoncini (PSDB), em reunião com os lojistas, sexta-feira, para tratar do Natal Luz 2009.

Conforme o secretário de desenvolvimento urbano da prefeitura, Nilton de Campos, as chuvas do início do ano comprometeram o sistema de drenagem de praticamente toda a avenida. “A parte antiga já seria removida e refeita, mas a parte nova, como não estava concluída, ficou danificada. Tivemos que revisar todo o projeto. Daí o atraso. Agora, levaremos pelo menos mais um mês para concluir tudo. Depois, é só fazer o asfalto”, confirma Nilton.

Paralelamente a este trabalho, a prefeitura já iniciou a formulação do edital de licitação do projeto da segunda etapa da obra. No prolongamento, onde foi feita a rótula, a estrada continuará até as proximidades do Hospital Socimed, a fim de formular um segundo anel viário. A previsão é que o edital seja lançado ainda neste ano e as obras iniciem no primeiro semestre de 2010.