Karen Novochadlo
Tubarão

O técnico em manutenção Dilton Zabot Júnior, 38 anos, recupera-se bem. Ele deixou a Unidade de Tratamento Intensiva e já começou a se movimentar pelo quarto. Dilton está internado no HNSC desde outubro com suspeitas de botulismo.

Os sintomas apresentados por ele são similares aos da doença, que é causada por uma bactéria. Dilson também ingeriu alimentos que poderiam estar contaminados. O técnico comeu uma pizza de palmito e pepinos em conserva.

Os alimentos foram recolhidos pela Vigilância Sanitária de Tubarão e mandados para análise em um laboratório em São Paulo. Contudo, ainda não ficaram prontos. O resultado deve sair na próxima semana.

A pizzaria que preparou a refeição continua fechada. O local sofreu uma inspeção e foi lacrado após o incidente. O estabelecimento funcionava sem alvará e licença sanitária. Os produtos utilizados não estavam adequadamente armazenados.
A bactéria causadora de botulismo pode estar presente em alimentos mal conservados, principalmente quando enlatados.