Após um desentendimento com o marido, uma gestante de sete meses saiu de casa e desapareceu em meio ao matagal no final da tarde desta quarta-feira (21), em São Martinho.

Segundo relatos, a mulher estaria embriagada. As buscas, inicialmente, foram realizadas pela Polícia Militar da cidade e perdurou por aproximadamente três horas. Após este período, os bombeiros de Armazém foram acionados e deram continuidade à procura.

Em 10 minutos de buscas, a guarnição dos Bombeiros encontrou a mulher. Ela estava deitada, inconsciente, mas com sinais vitais normais e sem lesões.

Socorrida, a gestante foi encaminhada para o Hospital São José da cidade de São Martinho, para avaliação médica.