Foto: Portal São Joaquim Online (www.saojoaquimonline.com.br)

A Serra Catarinense é conhecida nacionalmente pelo frio e pela neve. Mas ao contrário dos últimos anos, quando mesmo no verão as temperaturas são mais baixas, este janeiro bateu recorde de calor na região.

Em São Joaquim, por exemplo, a máxima chegou a 30°C no último domingo (2). A última vez que isso ocorreu na cidade foi há 59 anos, em janeiro de 1963, informa o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

“A temperatura registrada em São Joaquim no último domingo foi a terceira mais alta da história do município em janeiro”, confirma o meteorologista do Inmet, Guilherme Barcelos da Silva.

O calor no município tem superado o de cidades como Florianópolis, Blumenau, Criciúma e Joinville. Os clubes da cidade estão lotados desde o fim de semana, afinal, nada melhor do que uma piscina para aliviar o calor!

Clubes estão lotados desde o fim de semana (foto: portal São Joaquim Online)

Meteorologista da Epagri/Ciram, Marcelo Martins explica que isso ocorre porque o Litoral tem tido dias nublados e com vento. Isso faz com que as temperaturas não subam muito.

Inversamente, com os dias mais ensolarados e tempo seco, as temperaturas sobem na região serrana. Em dezembro de 2021, os termômetros bateram mais de 30°C também em Lages, Urupema, Bom Retiro e Rio Rufino.

 

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul