Wagner da Silva
Grão-Pará

Fogueira está levantada, as tendas estão armadas, os banheiros instalados e agora a praça e o salão recebem os últimos retoques para que tudo esteja nos “trinques” para amanhã, quando começa a tradicional festa de São João Batista, padroeiro de Grão-Pará. A abertura do evento será às 19 horas. Desde março, a equipe do Caep trabalha na composição da festa.

Nos últimos 20 dias, os preparativos foram intensificados com o auxílio de voluntários. “Muitos deixaram as suas funções profissionais para se dedicar à realização do evento”, valoriza o coordenador da festa, Valécio Bussolo. Na última semana, a equipe que confecciona a imensa fogueira há décadas trabalhava incessantemente para cumprir o prazo e ensinar as futuras gerações como é construída a principal atração da festa.

Os quitutes juninos que serão vendidos no evento também estão todos prontos e organizados. Segundo o coordenador, várias atividades foram pensadas para empolgar o público. A expectativa é atrair mais de 15 mil pessoas para festejar o padroeiro da cidade.

Festa inicia amanhã com surpresa

As comemorações em alusão ao padroeiro de Grão-Pará, São João Batista, iniciam amanhã com uma procissão entre a gruta Nossa Senhora Aparecia, na comunidade de Rio Pequeno, e a igreja matriz, onde será realizada a bênção das chaves. Conforme os organizadores, outras surpresas ocorrerão. Um baile com duas bandas e DJ fecha o primeiro dia de eventos. Sábado, a programação inicia à noite.

A principal atração será o ‘Leilão da Fogueira’ e a queima, feita em seguida, pelo vencedor. O momento será acompanhado por um show pirotécnico. “Apesar de não divulgar o valor, muita gente participa e oferece lances significativos para poder colocar fogo na fogueira. Este é o ápice da festa”, aponta o coordenador do Caep, Valécio Bussolo. A entidade é responsável pela organização do evento.

A festa segue domingo, com a largada do primeiro Moto Trilha do Fogo. O almoço também reserva surpresas para os participantes. “Trabalhamos com muito carinho na confecção do almoço. O tempero caseiro vai fazer a diferença”, enfatiza Norma Carara de Souza, uma das cozinheiras da festa. À tarde, ocorre o torneio de futsal e a gincana cultural. À noite, serão realizados a domingueira e o sorteio da rifa.