O Ministério da Saúde informou que Santa Catarina saiu da lista de estados com suspeita do coronavírus. Em boletim emitido na noite desta segunda-feira, o ministério informou que além de Santa Catarina, mais sete estados tiveram 32 casos descartados, no total. 

A última suspeita em Santa Catarina foi em um homem de 35 anos. Ele estava de quarentena em Rio do Sul desde que voltou de  Xangai e Pequim, na China, no dia 26 de janeiro.

De acordo com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, o planejamento e a vigilância deve ser realizado pensando em diferentes cenários. “Temos que trabalhar desde o cenário super otimista, de que não teremos casos, o realista, que é o que tem probabilidade de ocorrer, e o pessimista, que é ter uma epidemia global”, ressaltou o ministro.

Até o momento, 7 notificações se enquadram na atual definição de suspeito de coronavírus: Minas Gerais (1), Rio de Janeiro (1), São Paulo (3), Paraná (1) e Rio Grande do Sul (1).