#ParaTodosVerem Na foto, a Rodovia Aggeu Medeiros. A estrada costeia o Rio Tubarão e é de chão batido
Rodovia Aggeu Medeiros integra o projeto turístico Serramar, que liga a Serra com o Litoral Sul catarinense, e complementa a Rota Caminhos do Mar, que interliga todo o Litoral Sul - Foto: Julio Cavalheiro | Governo de Santa Catarina | Divulgação

A pavimentação da Rodovia Aggeu Medeiros, de Tubarão a Laguna, é um projeto tão antigo quanto a própria estrada. Décadas depois, a obra, parte importante do projeto turístico Serramar, que pretende interligar a Serra catarinense ao Litoral Sul, enfim, vai sair do papel. A ordem de serviço foi entregue na tarde deste sábado (28) pelo governador Carlos Moisés, em ato na Arena Multiuso Prefeito Estêner Soratto da Silva. O investimento será de R$ 75,1 milhões. “Estamos tirando sonhos antigos das gavetas e o Sul não é mais uma região esquecida. Está no radar do governo, assim como todas as outras”, valorizou Moisés. A pavimentação asfáltica no trecho de 23,67 quilômetros deve começar nos próximos dias e será executada pela Construtora Confer, de Criciúma. O prazo previsto de conclusão é de 36 meses. São 10,62 quilômetros em território tubaronense e outros 13,05 na parte de Laguna. Além do asfalto, o projeto contempla a implantação da rede de drenagem, sinalização vertical e horizontal, ciclovia e uma ponte.

#ParaTodosVerem Na foto, um grupo de pessoas comemora a assinatura de uma ordem de serviço para o início a obra de pavimentação de uma rodovia turística
Após décadas de muito vai e vem, a ordem de serviço para a pavimentação da Rodovia Aggeu Medeiros, entre Tubarão e Laguna, foi assinada. Os trabalhos devem iniciar nos próximos dias – Foto: Julio Cavalheiro | Governo de Santa Catarina | Divulgação

Mais do que concluir o projeto da Serramar, a obra criará uma alternativa segura e turística à BR-101, além de complementar outra rodovia turística: a Rota Caminhos do Mar, antes chamada de Interpraias: a Aggeu Medeiros ligará a SC-100, em Laguna, até as imediações do local onde é construída a cabeceira da margem direita da ponte Dr. Stélio Cascaes Boabaid, entre Tubarão e Capivari de Baixo, no fim da Avenida Marcolino Martins Cabral, no Bairro Passagem. “É uma obra extremamente importante e estratégica para transformar a região”, comemorou o prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli. No mesmo ato, o chefe do executivo estadual aproveitou para anunciar que o projeto para a Ponte do Pontal, sobre o Canal da Barra, em Laguna, deverá ficar pronto em cerca de três semanas. “Assim que for entregue pela empresa responsável, o documento passará por análise da Secretaria de Estado de Infraestrutura e licitado”, assegurou Moisés.

SC-108: mais mobilidade urbana e desenvolvimento
A obra na SC-108, que também teve a sua licitação autorizada na tarde deste sábado (28), compreende melhorias em um trecho de 16,4 quilômetros, contando os trechos a serem duplicados entre Urussanga e Criciúma e a obra do contorno viário de Cocal do Sul, que desviará o trânsito intenso do centro da cidade. As obras serão executadas do entroncamento com a SC-445, em Urussanga, em direção a Criciúma, fazendo o contorno leste de Cocal do e finalizando na chegada de Criciúma. Hoje, pelo menos 22 mil veículos trafegam diariamente por este trecho da SC-108.

Fonte: Governo de Santa Catarina
Edição: Zahyra Mattar | Notisul

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul