Prefeito de Laguna entrega hoje o termo que concede a administração da área para a Fundação Udesc. Ato ocorre às 15h30min nas dependências do empreendimento.

Laguna

O Restaurante-Escola parece que finalmente será utilizado para o fim que foi construído. O imóvel com área de 498,24 metros quadrados, localizado na Avenida João Marronzinho, no loteamento Laguna Internacional, equipado com uma cozinha industrial para aulas de gastronomia e salas apropriadas para aulas de cursos diversos da área foi iniciado em 2009.

O modelo único no Estado foi feito com recursos do governo federal, por meio do Ministério do Turismo, totalizando R$ 1.162.000.00 somados com contrapartidas do município.

O local, que nunca chegou a funcionar, está totalmente equipado desde 2010, porém chegou a ter equipamentos roubados e passava pelo impasse de viabilização de cursos. No entanto, a lei ordinária publicada neste mês de abril definiu que o imóvel será destinado a utilização de atividades educacionais de ensino, pesquisa e extensão da Fundação Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc).

O prefeito de Laguna Mauro Candemil fará a entrega, em solenidade, hoje a tarde do termo de Cessão de Uso Nº 001/2017 da área para a fundação. O ato acontece nas dependências do prédio, às 15h30min.

Udesc promoverá cursos de gastronomia
A lei ordinária define que o imóvel será destinado a utilização de atividades educacionais de ensino, pesquisa e extensão da Fundação Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), para o desenvolvimento de didáticas e práticas pedagógicas de cursos de gastronomia, nutrição e afins, aproveitando a estrutura física e equipamentos do restaurante-escola, podendo firmar convênios com outras instituições idôneas, para cursos em geral ou profissionalizantes, ampliando o atendimento às comunidades da região e os cursos de ensino do campus situado no Município de Laguna. O prazo da cessão de uso será de 20 anos, podendo ser prorrogável.

A cessão de uso compreende todos os equipamentos e instalações presentes no imóvel, devendo constar de rol em inventário. As despesas de manutenção do imóvel cedido serão de responsabilidade da fundação, sendo vedada qualquer alteração na estrutura do imóvel sem prévia autorização do município.
As benfeitorias, reformas e obras de manutenção reverterão ao patrimônio público municipal ao final do prazo de cessão, sem direito a indenização ao cessionário.

Foto: Prefeitura de Laguna/Divulgação/Notisul