O comprometimento com a qualidade da energia elétrica distribuída e os problemas que estão gerando inúmeras oscilações foram assuntos tratados em reunião

Florianópolis

Restabelecer o quanto antes a linha de transmissão 138 kV da Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) que liga Tubarão à Orleans, a qual chega a Subestação Cegero. Este foi o principal assunto tratado por lideranças de São Ludgero com o vice-governador, Eduardo Pinho Moreira, nesta segunda-feira (17), em Florianópolis.

A comitiva formada pelo prefeito Volnei Weber, o vice-prefeito Ibaneis Lembeck, o secretário de Administração, Finanças e Planejamento, Rodrigo Pavei, o presidente da Cooperativa de Eletricidade de São Ludgero (Cegero), Francisco Niehues Neto, o Chico, o vice-presidente, Jânio Dinarte Koch, o engenheiro eletricista da companhia, Adriano Maurici, o empresário Mário Schlickmann e o deputado estadual Manoel Mota enfatizaram ao vice-governador da grande preocupação em relação à situação que se arrasta desde o ano passado, consequência dos vendavais ocorridos no Sul em 16 de outubro. O comprometimento com a qualidade da energia elétrica distribuída e os problemas que estão gerando devido as inúmeras oscilações, bem como os prejuízos causados ao setor industrial na demora prática para o restabelecimento da rede de transmissão vinda da Cidade Azul por parte da Celesc.

O Engenheiro Eletricista, Adriano Maurici, explica que a Subestação da Cegero recebe energia elétrica por uma linha de transmissão que percorre a Serra Catarinense. “Ao longo deste período de espera do restabelecimento da linha vinda de Tubarão, ocorreram muitos problemas, principalmente, no verão e ainda continuam ocorrendo e afetando diretamente a qualidade da energia distribuída pela cooperativa de eletrificação rural. Foge do controle da Subestação a resolução destes problemas enquanto o restabelecimento da linha 138 kV vinda da Cidade Azul não se transformar em realidade”, pontuou.

Ele também relata que um documento protocolado ao final de 2016, pela Cegero na Celesc, já previa os problemas que iriam ocorrer. Francisco Niehues Neto, o Chico, diz que a receptividade foi boa e a expectativa é muito grande para que o problema seja resolvido. “Acredito que esta audiência com o vice-governador trará resultados práticos e de imediato”, enfatiza.

De acordo com o prefeito Volnei Weber, a comitiva deixou claro a Eduardo Pinho Moreira a grande preocupação da comunidade com a linha de transmissão. “São Ludgero já alertou a Celesc sobre os problemas e pediu solução imediata. Isso não aconteceu e são inúmeros os prejuízos ocasionados com as oscilações. O restabelecimento beneficiará não só o nosso município, mas toda a região”, ressalta.

Ficou acordado ao final da audiência, que o vice-governador, durante esta semana, dará um retorno sobre a situação atual e as tratativas para o restabelecimento da linha de transmissão.