A missão de identificação do Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata), que vem vistoriar os sítios onde serão alocadas as obras de infraestrutura de mobilidade urbana no município, está em Tubarão desde ontem. As obras fazem parte do pacote anunciado esta semana pela administração municipal e estão dentro do Plano Tubarão 180°.
 
O engenheiro Oscar Baldivieso, da equipe técnica do Fonplata chegou à cidade na manhã de ontem e se reuniu com o vice-prefeito Caio Tokarski e membros da equipe gestora de projetos da prefeitura. Oscar conheceu o pacote de obras que integra o pedido de financiamento feito ao banco e já aprovado pela Comissão de Financiamentos Externos do Ministério da Economia (Cofiex), do Brasil.
 
Após conferir os projetos técnicos elaborados, Oscar, acompanhado do gestor de Projetos do município, Michel Guedes, foi a campo visitar os locais onde as obras serão realizadas. O pacote inclui as seguintes obras:
 
Obras ligadas à macrodrenagem: Rua Vereador Adolfo Machado – Rua Bernardino Antônio Teixeira – Av. Altamiro Guimarães – Rua Luiz Martins Collaço – Rua Aldo Hülse – Rua Teodoto Tonon;
 
Obras em vias de ligações intermunicipais: Av. Presidente Getúlio Vargas, até Capivari de Baixo – Estrada Geral da Madre, até Laguna – Rua Nicolau Manoel da Silva (Estrada Geral do Caruru), até Gravatal;
 
Vias que contribuem com os modais de transportes: Rua Prudente de Moraes – Rua João Bristot – Rua Eng. Annes Gualberto – Rua Tenente João Luiz Maus – Rua Padre Nóbrega – Rua Uruguai;
 
Via de acesso a equipamento público: Rua José Bressan, que leva ao cemitério Horto dos Ipês;
 
Parque Linear: nas margens do Rio Tubarão;
 
Nova ponte sobre o Rio Tubarão: nas imediações da antiga Estação Rodoviária.
 
No período da tarde, o técnico do Fonplata, o gestor de projetos e o vice-prefeito, em helicóptero gentilmente cedido pela Webber Empreendimentos, realizaram um voo panorâmico sobre a cidade, onde puderam conferir a localização e contexto completo das obras. O voo partiu do condomínio Quinta do Lago, empreendimento da Webber, no bairro Monte Castelo e passou por todas as regiões contempladas com as obras.
 
O município de Tubarão tem 60% dos projetos já realizados e vai agora licitar a contratação dos projetos que ainda faltam. Em 20 dias, uma nova missão do banco internacional vem à cidade para finalizar as análises. Segundo o engenheiro Oscar Baldivieso o município está bem adiantado no processo e ainda esse ano poderemos ter as primeiras licitações. “Em nossa visita notamos que a cidade fez a sua parte e as obras foram bem escolhidas, pois vão resolver grandes problemas de mobilidade urbana”, comentou.
 
O prefeito Joares Ponticelli esteve com Oscar no fim da tarde, assim que chegou de Brasília e gostou do relato da visita técnica. “Estamos muito esperançosos em ter essas obras iniciadas num curto período de tempo e o técnico do Fonplata nos deu boas notícias com relação ao andamento do processo”, salientou.
 
O financiamento que a cidade de Tubarão tem aprovado no banco para a execução das obras é de US$ 16 milhões, ou seja, em torno de R$ 63 milhões, para pagamento em 15 anos, com quatro anos de carência. O município fará uma contrapartida de cerca de US$ 4 milhões.