Priscila Alano
Tubarão

Milhares de fiéis devem participar da celebração eucarística de posse do novo bispo de Tubarão, Dom Wilson Tadeu Jönck, no próximo dia 18, domingo, às 15 horas, na catedral diocesana. Uma grande estrutura foi montada para recebê-lo. Além dos fiéis da região, devem estar presentes algumas pessoas vindas do Rio de Janeiro, bispos e os padres da diocese.

Amanhã, será realizado um ciclo de adoração na catedral diocesana, das 20 às 22 horas, em preparação para a chegada de Dom Wilson, 59 anos. “Vamos realizar esta adoração para nos prepararmos espiritualmente. É um momento especial para a diocese”, afirma o pároco da Catedral, padre Elias Della Giustina.

Dom Wilson já saiu do Rio de Janeiro e deve chegar a Santa Catarina hoje. Ele permanecerá alguns dias na casa de familiares em Vidal Ramos, sua cidade natal. O novo bispo chega a Tubarão na próxima sexta-feira e uma missa de recepção será realizada na paróquia do Humaitá, às 16 horas. O papa Bento 16 nomeou, no dia 26 do último mês, Dom Wilson como quinto bispo da diocese de Tubarão.

O novo bispo, nasceu na cidade de Vidal Ramos, em 1951. Foi ordenado sacerdote em 17 de dezembro de 1977, pela Congregação do Sagrado Coração de Jesus. Dom Wilson foi vigário em Varginha, Minas Gerais. Ele é formado em pedagogia e psicologia.
Foi eleito bispo pelo papa João Paulo 2º, em 11 de junho de 2003, com a sede titular de Gemellae in Byzacena e designado auxiliar do Rio de Janeiro, recebendo a ordenação episcopal no dia 16 de agosto de 2003, das mãos de Dom Eusébio Oscar Scheid. Seu lema episcopal e “Amar é dar a vida”.