#Pracegover Na imagem, um guarda-vidas na água observando banhistas
Foto: Elvis Palma/ Divulgação/Notisul

O Instituto do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (IMA) divulga o primeiro relatório de balneabilidade de 2021 nesta sexta-feira (08). A nova pesquisa de qualidade da água, realizada entre os dias 04 e 08 de janeiro, aponta que 66,2% dos pontos analisados estão próprios para banho no litoral catarinense.

Em Florianópolis, dos 87 pontos onde há coletas, 61 estão em condições favoráveis para receber banhistas, o que representa 70,1%. No restante do litoral, dos 144 pontos averiguados, 92 são considerados próprios para banho, resultando em 63,9%. Conforme a pesquisa, em comparação ao relatório anterior, seis pontos passaram da condição de próprio para impróprio e seis pontos passaram da condição de impróprio para próprio.

Na Amurel, as praias de Imbituba, Laguna e Jaguaruna estão próprias para banho. As praias de Garopaba também estão próprias para banho.

O IMA monitora 231 pontos espalhados pelos 500 quilômetros do litoral catarinense. Além da capital, as análises são realizadas nos municípios de Araranguá, Bal. Arroio do Silva, Balneário Gaivota, Balneário Camboriú, Balneário Rincão, Barra Velha, Biguaçu, Bombinhas, Garopaba, Gov. Celso Ramos, Imbituba, Itajaí, Itapema, Itapoá, Jaguaruna, Joinville, Laguna, Navegantes, Palhoça, Passo de Torres, Penha, Balneário Piçarras, Porto Belo e São José.

O Instituto conta com apoio do Corpo de Bombeiros para a realização das coletas. O resultado pode ser acessado em balneabilidade.ima.sc.gov.br e no aplicativo Praia Segura. A próxima atualização ocorre no dia 15 de janeiro.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul