Brasília (DF)

Os Estados Unidos estão dispostos a colaborar em um plano de segurança regional. A informação foi dada ontem pela secretária de Estado norte-americana, Condoleezza Rice, em entrevista à imprensa depois de reuniões com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro das relações exteriores, Celso Amorim.

“As fronteiras não podem ser usadas como esconderijo para terroristas”, disse Condoleezza. “Os esforços da OEA (Organização dos Estados Americanos) nas últimas semanas foram importantes e precisam ser seguidos. É tempo de olhar para isso regionalmente e ver como assegurar que a segurança alcance todas as fronteiras. Os Estados Unidos serão parceiros nisso”, garante.

A elaboração de uma estratégia comum de defesa para a América do Sul é uma proposta brasileira apresentada pelo ministro da defesa, Nélson Jobim.