Redemoinho de fumaça é registrado em incêndio florestal no Oeste catarinense

Fenômeno é comum em queimadas florestais e faz aumentar o fogo em áreas de determinada vegetação, como pinheiro pinus.

Um redemoinho de fumaça foi registrado em Vargeão, no Oeste catarinense, durante  incêndio em uma área de mata nativa na Linha Copinha. De acordo com o comandante Walter Parizotto, do 14º Batalhão do Corpo de Bombeiros, este fenômeno é comum em queimadas florestais.

O comandante explicou que o redemoinho de fumaça acontece quando o ar está mais frio e esquenta muito rápido e sobe, formando um funil. “O que faz aumentar o fogo em áreas de determinada vegetação, como pinheiro pinus”, conta Parizotto.

Os Bombeiros seguem com o combate ao incêndio na região e neste sábado (7), a guarnição de Xanxerê cancelou o atendimento pré-hospitalar de porque as equipes foram remanejadas. O serviço é realizado pelo Samu.

A Defesa Civil acompanha o clima Oeste e emitiu alerta para região. O tempo segue sem previsão de chuva, calor e a umidade baixa umidade relativa bem baixa deixa o ar seco favorecendo propagação das queimadas.

O portal O Beneditense publicou um vídeo com o momento exato da formação do redemoinho. Assista: