#Pracegover Na foto, Rodrigo aparece com sorriso e acenando
Foto: Reprodução Internet

A família de Rodrigo Carvalho de Almeida (35 anos), de Tubarão, está sem notícias dele desde 2 de fevereiro. A última vez que foi visto foi no fim da tarde entrando no seu carro em direção desconhecida.

De acordo com a família, Rodrigo mora sozinho em uma residência no Sertão dos Correias, e trabalha como autônomo fazendo colocação de vidros atendendo clientes em Tubarão e região. No dia do desaparecimento foi para Jaguaruna com o parceiro de trabalho, voltou para Tubarão e no fim da tarde foi para um bar.

O proprietário do bar é conhecido da família, disse ao pai de Rodrigo, Sidnei Gomes de Almeida Filho (59 anos), que o jovem se envolveu em uma discussão no bar e saiu. “O proprietário do bar chamou a atenção do Rodrigo pelo comportamento e me relatou o acontecido”.

Sidnei, que mora no bairro São Cristóvão foi procurar o filho em casa e a encontrou aberta, com as luzes acesas e sem ninguém. “Fechei tudo, dei comida e água para o cachorro e voltei para casa”, disse Sidnei.

O pai conta que é comum Rodrigo sair de casa e ficar um ou dois dias sem voltar, mas nunca deixou a casa aberta e saiu, nem ficou tanto tempo sem dar notícias.

Três dias depois do desaparecimento de Rodrigo, a família registrou um boletim de ocorrência e desde então o procura dia e noite sem parar. A polícia teve acesso às câmeras de vigilância das residências vizinhas e percebeu que o jovem saiu de casa em 2 de fevereiro, estava só de bermuda e embarcou sozinho na sua saveiro de cor vermelha.

Desde então Sidnei vai à casa do filho todos os dias, pela manhã e fim de tarde para saber se ele voltou e cuidar do cachorro de Rodrigo. O pai conversa com pessoas próximas, procura a polícia para ter informações e até agora nada.

“Todos os dias procuro meu filho nas praças de igrejas, praças da cidade, praias da região, embaixo de viadutos para saber se está por lá. Achamos que pode estar com algum problema e não tem coragem de voltar para casa, mas queremos que ele saiba que estamos o esperando de braços abertos para resolvermos isso juntos”.

Quem tiver alguma informação sobre o paradeiro de Rodrigo pode entrar em contato com a polícia no 190 ou ligar para Sidnei no número (48) 9-9906.9700.

Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul