Consumidor deve ficar atento aos preços. Muitas vezes não adquirir o produto no local de costume pode gerar boa economia, especialmente para quem tem família grande e utiliza mais de um botijão de gás por mês
Consumidor deve ficar atento aos preços. Muitas vezes não adquirir o produto no local de costume pode gerar boa economia, especialmente para quem tem família grande e utiliza mais de um botijão de gás por mês

 

Zahyra Mattar
Tubarão
 
O gás de cozinha é um produto tão essencial para o cotidiano familiar como o pão, ou qualquer outro alimento. Para auxiliar o consumidor a economizar, o Procon de Tubarão fez a primeira pesquisa de preço do botijão neste ano.
 
Conforme o levantamento, realizado por telefone em cinco estabelecimentos da cidade, a diferença de valor de um lugar para o outro pode ser grande. 
 
“O consumidor precisa colocar na ponta do lápis se vale a pena pagar esta diferença”, atenta a coordenadora executiva do Procon, Reneuza Marinho Borba. 
 
O botijão de 13 quilos, o mais utilizado, custa entre R$ 35,00 a R$ 40,00. O valor varia conforme a modalidade de compra. 
 
Quem prefere a comodidade de adquirir o produto na porta de casa, no caminhão que passa pelos bairros, pagará no mínimo R$ 38,00.
 
Já quem tem disponibilidade de ir até o distribuidor, consegue o mesmo botijão por R$ 35,00. A diferença, nesta modalidade, é de apenas R$ 1,00, já que o valor mais caro encontrado é de R$ 36,00.
 
A maior variação está no botijão de 20 quilos. O produto pode custar até R$ 14,00 a mais de um estabelecimento para o outro. Na compra no caminhão ou no depósito, o consumidor pode encontrar o produto pelo mínimo de R$ 71,00.  
 
A empresa com o valor mais caro, vende o botijão – seja no caminhão ou no próprio estabelecimento -, ao preço de R$ 85,00. O recipiente de 45 quilos tem variação de R$ 7,00 de um estabelecimento para o outro. 
 
O preço mais baixo é de R$ 165,00, tanto na aquisição no depósito quanto no caminhão. O valor mais alto é de R$ 172,00, também independente da compra ser feita no estabelecimento ou no caminhão.