Imbituba
 
Os quatro postos de saúde de Imbituba que estão sem um médico responsável desde o ano passado (Arroio, Ibiraquera, Roça Grande e Campo da Aviação), devem receber os novos profissionais em 30 dias. Pelo menos, esse foi o prazo anunciado pela Secretária de Saúde, Graciela Ribeiro, nesta terça-feira (19) à tarde.
 
“No máximo, em 30 dias, estaremos com médicos em todas as unidades, cumprindo oito horas diárias de atendimento. Inclusive, já contratamos uma médica para a Estratégia de Saúde da Família (ESF). Também estamos abrindo o procedimento para prova de títulos. Por meio desse processo, pretendemos nomear quatro médicos que irão suprir a deficiência nessas quatro comunidades que estão sem profissional responsável”, afirmou a secretária Graciela Ribeiro.
 
Enquanto os novos médicos não assumem os postos, a Secretaria de Saúde faz um rodízio com os profissionais de outras equipes, justamente, para que nenhuma comunidade fique desassistida. “Pode não haver médico em determinada comunidade, mas nenhum bairro está sem atendimento”, garantiu a secretária.
 
E, para contribuir com as equipes, o prefeito de Imbituba, Rosenvaldo da Silva Júnior, que também é médico, permanece percorrendo os bairros, prestando o atendimento nos postos que estão com defasagem de profissionais.