Tubarão

Após 27 anos em tramitação, ontem finalmente foi oficializada a transferência do imóvel onde está instalado o Centro Administrativo de Tubarão para o nome do município.

Fica à rua Felipe Schimidt desde 1987. No local, antiga Vila dos Engenheiros da CSN, estão edificadas seis casas que guardam as características construtivas da década de 40, época em que foram erguidas para receber os engenheiros da antiga siderúrgica.

Em 1988, o município de Tubarão iniciou o processo de desapropriação da área pertencente à Companhia Siderúrgica Nacional (CSN).

Em 1990, o processo foi concluído e desde então, o imóvel já poderia ter sido transferido. “Por falta de zelo com o bem público, o processo não foi levado adiante e somente nesta gestão houve a iniciativa de finalizá-lo. Em pouco menos de cinco meses, conseguimos resolver uma questão que já poderia ter sido solucionada há 27 anos”, garante o procurador-geral do município, Marivaldo Bittencourt Pires Júnior.

O terreno, com 12,7 mil metros quadrados e 1,3 mil metros quadrados de área construída, foi avaliado, inicialmente, em R$ 20 milhões. “Agora, como proprietário definitivo, o município pode utilizar o imóvel para dar início à tão sonhada construção de um centro administrativo, no qual seja reunida toda a estrutura da prefeitura”, sugere o procurador.

Prefeitura estuda construção de novo  Centro Administrativo
Compromisso de campanha, o prefeito Joares Ponticelli já sinalizou a intenção de implantar uma nova sede da prefeitura, no bairro Oficinas. “Essa área apresenta uma série de problemas de infraestrutura, falta de acessibilidade e a própria localização, em região muito central, é inadequada, já que atrapalha, inclusive o fluxo de veículos. Vamos analisar todas as possibilidades para viabilizar a construção de uma sede moderna, bem estruturada, que possa reunir todos os serviços em um só local. Isso trará muita economia para os cofres públicos, ao mesmo tempo em que facilitará a vida dos cidadãos tubaronenses”, avalia o prefeito Joares Ponticelli.