O policial militar Richard Ribeiro Castro, de 37 anos, de Imbituba, passou por mais um procedimento cirúrgico nesta sexta-feira (24) à tarde. O soldado está internado no Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), em Tubarão. O profissional de segurança pública teve a arma roubada durante uma ocorrência e foi atingido pela arma de fogo.

Na quarta-feira (22), o soldado foi atingido no pâncreas e no pulmão. O profissional trabalha há 13 anos na PM. De acordo com o soldado Lucas Espezim, colega de Richard, o profissional sempre foi um policial exemplar. “É um cara tranquilo, sempre correto, justo e com um coração enorme”, pontua.

Conforme informações, foi realizada uma revisão da cavidade abdominal, sem novas lesões e sangramentos. Neste sábado (25) será iniciada uma dieta com sonda. A expectativa é de que ele será extubado ainda nesse final de semana.

O crime

Na noite de quarta-feira (22) um homem arrancou a arma de um policial e atirou contra a PM, em Imbituba. Segundo a polícia, ele morreu depois de também ser atingido por disparos do colega que acompanhava o soldado ferido.

A polícia foi a uma casa no bairro Penhinha após ser acionada pelo 190 para atender uma ocorrência de perturbação. Ao chegar ao local, segundo a PM, o homem estava bastante alterado e atacou os policiais.

Neste momento, ele conseguiu pegar a arma do soldado e efetuou disparos contra o policial. Depois de ser internado no hospital de Imbituba, o policial foi transferido para Tubarão.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: NSC Total