Mais um passo importante foi dado na recuperação da Ponte Roberto Teixeira de Souza, em Ibiraquera. Na manhã desta quinta-feira (9), as equipes iniciaram a concretagem da pista de rolagem da obra de arte. Sobre uma grande quantidade de ferro e vigas pré-moldadas, três caminhões aplicaram o concreto em 50% da estrutura.

A outra metade será aplicada nesta sexta-feira (10). Serão mais três caminhões despejando cimento sobre a pista de rolagem da ponte. “Depois do concreto aplicado em toda a estrutura, teremos que aguardar uns 15 dias para a cura do material. Logo após o processo, faremos a colocação dos guarda-rodas e guarda-corpos”, disse o engenheiro da obra, Moacir Freitas da Rosa.

Segundo o Prefeito de Imbituba, Rosenvaldo da Silva Júnior, esta é uma obra fundamental para a região, inclusive, para a economia local. “Estamos restabelecendo a acessibilidade. Restabelecer o acesso será um ganho enorme para todos”, reiterou o prefeito Rosenvaldo.

A obra de recuperação da Ponte Roberto Teixeira de Souza foi iniciada em julho de 2019, oito meses depois da fissura que interditou a antiga estrutura. Desde a interdição, o trânsito no local é feito por uma ponte flutuante, que foi instalada pela Prefeitura de Imbituba para garantir o trânsito de moradores e turistas.

Na recuperação da estrutura estão sendo aplicados, com recursos municipais, R$ 1.125.629,20. Da ponte antiga, apenas a fundação e os pilares de sustentação foram reaproveitados. O restante foi demolido e reconstruído por duas empresas que venceram o processo licitatório (Trilha Engenharia/Florianópolis e Araújo Construções Eireli/Criciúma).