Residências foram danificadas com o vendaval em Pescaria Brava. Cadastro de danos continua aberto realizado na prefeitura  -  Foto:Defesa Civil /Divulgaçãoi/Notisul
Residências foram danificadas com o vendaval em Pescaria Brava. Cadastro de danos continua aberto realizado na prefeitura - Foto:Defesa Civil /Divulgaçãoi/Notisul

Pescaria Brava

A situação de emergência em mais dois municípios afetados por desastres naturais em Santa Catarina foi reconhecida ontem pelo Ministério da Integração Nacional. Pescaria Brava entrou na portaria 202 no Diário Oficial da União. Moradores do município aguardavam a homologação da União para iniciar os trâmites de solicitação do Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS) aos atingidas pelo vendaval do último dia 16 de outubro. Capivari de Baixo também entrará nesta lista.

De acordo com o coordenador de planejamento de Pescaria, André dos Santos, a administração vai encaminhar um ofício à agência da Caixa Econômica Federal de Laguna para formalizar as próximas etapas. “Vamos enviar o documento com a cópia do reconhecimento do Diário Oficial da União. Esperamos que a reunião com o gerente ocorra ainda nesta semana”, prospecta. Ele relata que a prefeitura ainda realiza o cadastro de danos das pessoas atingidas.

Em Capivari o reconhecimento do Decreto de Lei  n° 713, de 17 de outubro de 2016, também foi reconhecido pela União. “Hoje, vamos nos reunir com o gerente da Caixa para saber como funcionarão os trâmites da liberação do FGTS à população atingida pelo vendaval”, explica o coordenador de Defesa Civil do município, Onassis da Silva. 

Na Amurel, Pedras Grandes e Imaruí também emitiram decreto de estado de situação de emergência e ainda aguardam o reconhecimento pelo Ministério da Integração Nacional.

Em Tubarão, atendimentos são feitos na Arena Multiuso
Foto:
Prefeitura de Tubarão/Divulgaçãoi/Notisul


Hoje, é o último dia para as vítimas atingidas pelo vendaval nascidas em janeiro e fevereiro realizar a solicitação do Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS) na Arena Multiuso. Mais de 800 pessoas foram ao local no primeiro dia de funcionamento da força-tarefa, ontem. 

Após passar por uma triagem, para verificação de documentação. Cada atendimento leva em torno de cinco minutos. Os trabalhos ocorrem de segunda a sexta-feira, das 9 às 15 horas. A Caixa Econômica Federal continua com os atendimentos de segunda a sexta-feira, das 8 às 21 horas, e aos sábados, das 10 às 16, por meio do telefone 0800-7260207 – opção 3. A ligação é gratuita e pode ser realizada até o dia 15 de dezembro. 

Amanhã inicia os atendimentos para os titulares de contas nascidos em março e abril, e prossegue até a próxima terça. Todos que estão com seu cadastro em dia e atualizado conseguirão solicitar o saque do FGTS via 0800. A estimativa da Caixa é que 30% dos beneficiários estão aptos a utilizar o sistema telefônico. Entretanto, vale destacar que todas as pessoas que têm direito ao benefício serão atendidas.

Para aqueles que não identificaram seus endereços na lista divulgada pelo município, ou ainda que possuem residência em área urbana sem número, devem, no site da prefeitura, preencher o formulário, cadastrar seus danos e aguardar a divulgação de novo calendário de pagamento.

Próximos  atendimentos:
• 30/11, 1º e 2/12
 (maio e junho)

• 5, 6 e 7/12 
(julho e agosto)

• 8, 9 e 12/12 
(setembro e outubro)

• 13, 14 e 15/12 
(novembro e dezembro)