O perfil do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), no Twitter, foi invadido nesta segunda-feira (1º) no dia de lançamento do Censo 2022. Quem acessou @ibgecomunica,  às 19h, viu uma publicação de uma corretora de criptomoedas que permaneceu até as 20h50.

No lugar de informações do órgão, o perfil do IBGE mostrava o nome e foto da empresa Exodus Crypto Wallet, que tem quase 190 mil seguidores. Nesta segunda-feira (2), o IBGE informou que o problema foi solucionado depois que gestores de redes sociais do instituto alertaram os administradores do Twitter e acionaram a área de informática.

“Logo retomamos o perfil, com ajuda da nossa Diretoria de Informática e da administração do Twitter”, informou.

Durante três meses mais de 180 mil recenseadores visitarão 89 milhões de endereços, em todos os 5.570 municípios do país. Eles vão coletar informações que permitirão fazer um retrato da população do Brasil incluindo condições de vida, saneamento básico, educação, mercado de trabalho, entre outras. Conforme o IBGE, a estimativa é de que sejam contadas cerca de 215 milhões de pessoas.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: Agência Brasil