O estudo será feito com 300 pessoas adultas
O estudo será feito com 300 pessoas adultas

Tubarão

 

Um estudo para identificar o perfil de saúde dos adultos de Tubarão foi iniciado no Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC). São analisados dados sociodemográficos, função renal e hepática, diabetes, hipertensão, obesidade, uso de medicamentos e alterações eletrocardiográficas, entre outras doenças. 
 
Segundo o coordenador do Centro de Pesquisas Clínicas do HNSC/Unisul, Daisson Trevisol, a amostra é constituída de 300 adultos de todo o município. A escolha dos tubaronenses foi realizada nos postos de saúde, por meio de sorteio, e terá o envolvimento das agentes comunitárias, responsáveis por visitar as famílias e convidar um adulto a participar do estudo.
 
O projeto tem apoio financeiro da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), da secretaria de saúde de Tubarão e do hospital. A pesquisa é feita aos sábados, no HNSC. O trabalho é realizado sob a responsabilidade do Centro de Pesquisas Clínicas do HNSC/Unisul e do Grupo de Pesquisas Clínicas e Epidemiológicas da Unisul.
 
Pesquisa  l  participantes do estudo
Coordenadores da pesquisa: Daisson Trevisol e Fabiana Schuelter Trevisol.
Médicos: Márcia Regina Pereira, Maria Zélia Baldessar e Thiago Sakae.
Enfermeiras: Danúbia Grassi Machado e Rita de Cássia Schmitz
Farmacêutica: Tatiana Martins.
Alunos do curso de medicina: Marina Dutra, Estevão Uliano, Mariana Soares, Afonso Della Jr., Fábio Sebold, Leandro Nakashima, Brian Silvestre, Clovisa Reck e Ana Carolina Barreto.