Amanda Menger
Jaguaruna

A cobrança do pedágio na BR-101, em Palhoça, há cerca de um mês, inclusive para quem se dirige ao sul do estado – cuja pista não está duplicada -, trouxe à tona uma outra polêmica: quando passarão a cobrar o pedágio na área em obras? Um movimento iniciado pelo vereador Alicio Bitencourt (PP), de Jaguaruna, reivindica que o pedágio seja cobrado dez anos após a conclusão total das obras.

“A parte norte da BR-101 está duplicada desde 2000 e só agora passou a ter cobrança de pedágio. Acredito que o sul deveria ter esse mesmo direito. E pronta com os túneis no Morro do Formigão, em Tubarão, e no Morro dos Cavalos, em Palhoça e da ponte de Cabeçudas, em Laguna”, propõe o vereador.

Um dos argumentos levantados é o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) da região sul. “A nossa região é a segunda região mais pobre, só estamos à frente de Bom Jardim e São Joaquim, na serra. Não podemos aceitar o pedágio. Já é um absurdo pagarmos o pedágio quando nos dirigimos ao sul, ou seja, pagar para andar em uma rodovia em obras”, reivindica Alicio.

O projeto da BR-101 sul prevê a instalação de três postos de pedágio no sul catarinense: após o Rio da Madre, em Paulo Lopes, em Laguna, próximo a Caputera e o terceiro em Maracajá. A concessão da rodovia a empresas privadas é previsto desde 1996, quando a duplicação seria feita com recursos de empréstimos. Ainda pelo projeto, a licitação deveria ser feita nos seis últimos meses da obra, contudo, não há previsão para que isso ocorra.

Cadastro
Cerca de 1,7 mil veículos, entre carros e motos, foram cadastrados pela prefeitura de Palhoça para serem isentos da cobrança de pedágio no município. Os números são extraoficiais, já que a relação completa com os nomes das pessoas e de seus respectivos veículos cadastrados será divulgada só quarta-feira, no site da prefeitura. Também quarta-feira, será realizada uma reunião em Brasília para definir o início do benefício, e avaliar o projeto da obra do acesso alternativo à praça de pedágio, instalada no quilômetro 221 da BR-101, em Palhoça.