Foto: CCR ViaCosteira

A CCR ViaCosteira informa que ao longo do trecho que administra na BR 101 Sul em Santa Catarina, existe uma espécie de Figueira (Ficus cestrifolia Schott) localizada no canteiro central da rodovia, que sofrerá interdições. O trecho fica no KM 249 entre Paulo Lopes e Garopaba.

A CCR, que atua sempre de maneira preventiva para promover maior segurança viária, realizou laudo técnico e constatou o risco de queda de galhos e troncos, dessa forma, a equipe responsável pela manutenção da rodovia realizará a poda.

Isso ocorre porque árvores de grande porte ficam sujeitas ao ataque de pragas e ao apodrecimento e, como ela está localizada às margens da rodovia, se faz necessário o adequado acompanhamento e manejo, a fim de prevenir acidentes. O serviço de intervenção ocorre nesta quarta-feira (23) a partir das 9h e a rodovia poderá operar em meia pista.

Assim, é importante que os motoristas que trafegarem pelo local, redobrem os cuidados e fiquem atentos às sinalizações próximas.

Vale destacar que a CCR possui autorização do Ibama de suspensão de vegetação da malha viária que faz parte do seu trecho.

As equipes de campo que realizarão o serviço serão acompanhadas pela Polícia Rodoviária Federal.

Trabalho intensivo

A CCR ViaCosteira também informa que homens e máquinas estão na rodovia realizando correção e restauração de pista entre os municípios de Palhoça e Passo de Torres, na divisa com o Rio Grande do Sul. Por conta disso, nos próximos dias, parte de todo o trecho que administra poderá sofrer interdição de faixa, ficando apenas em meia pista, entre as 7h e 18h.

Isso por quê a CCR ViaCosteira vem intensificando os trabalhos iniciais previstos em contrato.

Dentre esses trabalhos, está inclusa, também, a manutenção, que acontece através dos serviços de limpeza da rodovia e canteiros, e revitalização e substituição de toda a sinalização vertical e horizontal.

A CCR ViaCosteira também já está realizando correções emergenciais em alguns locais da pista e a restauração de pavimento em determinados pontos, que é quando acontece a troca do asfalto já existente por um novo, a fim de restabelecer as condições de trafegabilidade e segurança de todo o trecho, garantindo maior conforto ao usuário.