Foto: Reprodução Internet

A Polícia Civil indiciou os pais da menina de 1 ano e 10 meses que caiu da janela do 4º andar de um prédio em Laguna. O inquérito foi concluído pela Delegacia de Polícia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (Dpcami) na segunda-feira (9).

A queda aconteceu no dia 5 de outubro em um prédio residencial no bairro Mato Alto. De acordo com os Bombeiros a criança brincava com a irmã gêmea perto da janela e caiu de uma altura de 13 metros.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Franco Reginato, testemunhas informaram que a menina e as quatro irmãs já foram vistas diversas brincando perto da janela onde a pequena caiu. O delegado também disse que os vizinhos alertavam os pais sobre os riscos e nada fizeram.

Conforme o delegado, o apartamento não apresentava segurança para as crianças, como falta de telas nas janelas e a disposição dos móveis.

A menina não se feriu gravemente porque caiu em uma gramado ao lado do prédio. Tanto que após a queda ela ainda levantou sozinha. Quem a ajudou foi uma vizinha, em seguida o pai chegou e levou afilha para dentro de casa.

Mais tarde a menina foi levada para o hospital e ficou internada durante 3 dias. Hoje ela está com a família e todos são acompanhados pelo Conselho Tutelar e pela Assistência Social de Laguna.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul