O paciente de Braço do Norte com suspeita de coronavírus está sendo acompanhado de casa, diz o Diretor técnico do Hospital Santa Terezinha, Dr. José Nazareno Goulart Junior. Ele deu entrada na instituição nesta terça-feira (10) ao apresentar sintomas leves de gripe após voltar de uma viagem do exterior cerca de 12 dias antes.

De acordo com o diretor, o paciente ficou durante 3 meses no exterior, mas não informou em que país estava. Apenas disse que ele veio de um local onde a disseminação do vírus ainda é baixa e o hospital só seguiu o protocolo ativo do Ministério da saúde.

“Ele procurou hospital por conta dos cuidados.  Nossa instituição seguiu o protocolo da Secretaria estadual de Saúde e do Departamento de Vigilância Epidemiológica. Ele sofreu isolamento respiratório e foi atendido pelo médico de plantão para as primeiras avaliações. O paciente ficou isolado até o resultado dos exames primários e depois solicitamos ao Lacen exames de sangue para diagnóstico do Covid-19 e do Influenza que ficarão prontos nos próximos dias”, explicou.

Conforme o Dr. José Nazareno, as autoridades já foram informadas que o paciente continuará em observação em sua residência e não pode sair até virem os resultados. O médico ressalta que a situação está sob controle e que o processo é de prevenção.

“Se não fosse pela questão dele vir do exterior não estava sendo tratado como suspeito. Não temos surto de Covid-19 na região e nenhum caso confirmado”.