Produtos ficam no chão durante tremor registrado neste domingo (30)

Os moradores da cidade baiana de Amargosa, a mais de 240 quilômetros de Salvador, acordaram hoje (1) com dois tremores de terra. O primeiro foi por volta das 3h30 da madrugada, com magnitude de 2 graus na escala Richter.

Já o segundo foi as 6h36, com intensidade de 2.3 graus, segundo registros do Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Não é primeira vez nesta semana que a população de Amargosa acorda com terremotos.

Na segunda-feira (31), a terra também tremeu no município de 38 mil habitantes e em outras cidades do Vale do Jiquiriçá. O fenômeno atingiu 3.5 na escala Richter.

No domingo (30), ocorreu o abalo mais intenso de 4.6 graus, por volta das 7h44. Pelo menos seis casas e a igreja de Amargosa sofreram rachaduras.

Desde então, vários outros tremores de terra foram sentidos na cidade e em outros municípios da região do Recôncavo Baiano, como em Brejões e Elísio Medrado.

Apesar de o epicentro ser entre o Recôncavo e o Vale do Jiquiriçá, alguns tremores foram percebidos até em Salvador e cidades das regiões Sul e Sudoeste.

Fonte: Agência Brasil/Foto: CNN Brasil/Divulgação Notisul

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul