Resultados da Missão Juno, que explora o planeta Júpiter pela Nasa, revelaram a existência de ciclones maciços ao redor dos polos sul e norte do planeta. Essas características atmosféricas são permanentes, o que torna a descoberta inédita levando em consideração qualquer outra condição encontrada do Sistema Solar.

A imagem feita pelo Jovian Infrared Auroral Mapper (JIRAM), ferramenta usada a bordo da Missão, mostra o ciclone no centro da parte norte do planeta, cercado por outros oito. As descobertas são parte de um artigo que será publicado nesta quinta na revista Nature. 

“Essa impressionante descoberta científica é a prova do valor de explorar o desconhecido com uma nova perspectiva e com instrumentos de nova geração”, disse Scott Bolton, do Southwest Research Institute, em San Antonio.