Sabe aquelas lindas histórias de amor ao próximo e doação sem esperar nada em troca, muito comum nos filmes? Pois bem, elas também fazem parte da vida real e algumas vezes ocorrem bem pertinho de nós.

Uma dessas histórias ocorreu recentemente na comunidade de Furninhas, interior de Grão-Pará. A família de Salete Boger Salvallagio foi toda contaminada pela covid-19. O seu esposo, Augustinho Salvallagio, precisou, inclusive de internação.

Ela afirma ter ficado muito mal também, porém foi medicada e permaneceu em casa com o restante da família. “Todos fomos contaminados com a Covid. Fiquei bem atrapalhada, mas tomei remédio e consegui ficar em casa, já O meu esposo ficou 12 dias no hospital”, relata.

Já os demais membros da família, os filhos Letícia e Tiago e a nora Tália tiveram apenas sintomas leves. “Como se fosse uma gripe forte”, detalha Salete, que afirma que, inclusive a nona Otília, mesmo com 77 anos, permaneceu em casa.

Por conta dos longos dias de isolamento, o trabalho na roça ficou comprometido e houve grande preocupação com o plantio de fumo da família, desassistido. Mas como diz o velho ditado: ‘depois da tempestade sempre vem a bonança’.

Salete lembra que comentou com um vizinho e um primo sobre a preocupação. Eles comentaram com algumas pessoas que se mobilizaram para a empreitada. “O vizinho e compadre falaram que viriam ajudar no trabalho da roça”, explica Salete.

Em uma tarde, foi feito um grande trabalho por homens e mulheres. Salete afirma que a família levaria cerca de semanas para executar a atividade. Em comemoração ao afazer concluído, foi servido um delicioso café.

Ela conta que a estimativa era de que umas dez pessoas participassem do mutirão. Tamanha foi a surpresa quando se deparou com 21 pessoas. “O sobrinho do meu esposo veio de trator passar a carpideira e os outros carpiram com a enxada”, detalha.

Apesar dos momentos difíceis por causa do coronavírus, para Salete este dia ficará na memória com um momento de muita alegria, pois o amor ao próximo se manifestou por meio da ajuda concedida.

“Foi emocionante ver aquele pessoal aqui, todos reunidos sem esperar nada em troca. Não tem preço. Além disso, foi uma grande surpresa ver 21 pessoas enquanto esperávamos dez. Este dia sempre será lembrado com alegria”, finaliza.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul