Laguna

A cada nova geração de crianças, está difícil não crer que elas estão mais espertas, ágeis e habilidosas. O garoto de Laguna Hasaff Cardoso Pereira, de 9 anos, é um dos exemplos de novos talentos que causam essa percepção. Ele é visto como um grande baterista em potencial.
 
A breve história do menino com a música começou aos 3 anos, quando o garoto ganhou um teclado do pai, Fabrício da Silva Pereira. Com o passar do tempo ele demonstrou a sua paixão pela música e instrumentos, em especial, a bateria, também presenteado por Fabrício.

De acordo com a mãe do menino, Joelma Augusto Pereira, o filho nunca frequentou uma escola de música. “Em março fomos assistir um evento de bateria e ele pediu para o baterista Chico Santos deixar ele tocar. O músico ficou impressionado e pediu para tocar ao fim do evento e a plateia delirou com ele”, conta. 

Ela explica que o menino almeja participar do Programa Silvio Santos e também do Programa Raul Gil. “Queremos levá-lo, mas é algo que demora. Ele também quer uma bateria acústica, mas é necessário aguardar, não temos esse montante. É normal ver um filho dessa idade acordar e querer ver desenho, mas com ele é diferente, ele assiste orquestras de bateria”, expõe.

Em casa, a influência do pai, tios e avó o ajudou a desenvolver o talento para a música. Fabrício é do Exército e, toca na banda de música e os demais familiares cantam e tocam na igreja. Postura de artista, o garoto, mesmo tão novo, já leva a sério o que faz, com dedicação e primando incrivelmente pela perfeição das batidas ao seu entendimento, pausando e voltando sempre que identifica qualquer falha.
 
Hasaff, participou recentemente, a convite, da 7ª edição da Orquestra de Baterias, em Florianópolis, agora se prepara agora para participar de um evento tocando junto com seu pai na banda do Exército. “Para mim, é um orgulho ver meu filho seguindo o caminho da música. Hasaff é um menino bom e talentoso e que só nos dá alegria”, finaliza Joelma.