Foto: Reprodução

Duas mulheres que invadiram a área proibida da obra de alargamento da Praia Central, em Balneário Camboriú e atolaram na areia. O caso aconteceu na manhã desta terça-feira (26) e elas precisaram ser resgatadas pelos bombeiros.

Durante o resgate, o quadriciclo do Grupo De Busca e Salvamento (GBS) também afundou e precisou ser removido com o apoio de máquinas.

O único trecho da praia que está oficialmente liberado é o trecho em frente a rua 3700, até o molhe da Barra Sul. Banhistas já ocupam a faixa de areia entre a Rua 3700 e 1800, apesar de ainda não ter sido liberado.

Já o trecho da Rua 1800 até o molhe do Pontal Norte é onde o solo ainda encontra-se com muita instabilidade e perigoso.

Não há fiscalização ostensiva e atuante, por isso as pessoas tomam a liberdade de invadir a obra, apesar das placas e demarcações.

Com informações de Click Camboriú

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul