Rosinei da Silveira, coordenador regional da Defesa Civil, esteve em Morro da Fumaça durante a manhã desta quarta-feira, 4, monitorando os pontos mais prejudicados pelas chuvas no município. Acompanharam as vistorias o prefeito em exercício Eduardo Sartor Guollo, e o coordenador municipal da Defesa Civil, Natan de Souza.

O órgão está preocupado com o nível do Rio Urussanga, que já causa alagamentos nos bairros Naspolini, Picadão Paladini e Capelinha. Antevendo os problemas, o Governo Municipal se preparou com antecedência para minimizar os prejuízos.

“Realizamos reuniões diariamente desde o último domingo, quando traçamos um plano de emergência com as equipes da Prefeitura e as forças de segurança pública. Preparamos rapidamente dois abrigos para atenderem aos desalojados que não conseguiriam ir para a casa de parentes e seguimos reforçando as orientações junto à população que mora em áreas de risco”, enfatiza Guollo.

Rosinei afirmou que a previsão de chuva se estende para a tarde e noite desta quarta, com a trégua definitiva aparecendo somente na quinta pela manhã. Por isso, os cuidados devem continuar redobrados.

“O município está bem organizado, com toda a equipe alinhada. Neste momento, é disso que precisamos. Morro da Fumaça está de parabéns pelo enfrentamento”, comenta o coordenador regional. “Estamos quase vencendo a batalha. Até aqui, agradeço ao empenho de todos os envolvidos que estão trabalhando dia e noite para cuidarem da cidade. Apenas com esta união seremos capazes de superarmos as dificuldades”, destaca o prefeito em exercício.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: TNSul