A primeira vítima da explosão de um caminhão carregado de líquido inflamável em um posto de combustíveis veio a óbito nesta quinta-feira (1), em Rio Claro (SP). O motorista Jovino Rocha de Andrade, de 42 anos, teve a morte confirmada às 4h10 pela Santa Casa.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o acidente na noite de quarta-feira (30), deixou 15 feridos, dois com gravidade. Jovino foi um dos socorridos em estado grave. Até o início da manhã desta quinta, cinco foram encaminhadas ao Pronto-Socorro Municipal integrado à Santa Casa.

As outras dez vítimas haviam sido levadas para a Unidade Básica de Saúde (UBS) de Ipeúna, seis já haviam recebido alta e quatro seguiam internadas. Elas inalaram fumaça e tiveram queimaduras de 2º e 3º graus.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul