Rio Fortuna

A paralisação das atividades de mineração e beneficiamento de fluorita nesta semana, em Rio Fortuna, poderá colocar em xeque vários projetos idealizados pela administração. No comunicado feito pela Nitro Química Brasileira, empresa do grupo Votorantin, além da mina entre os municípios de Rio Fortuna e Santa Rosa de Lima, a empresa desativou ainda a unidade de Morro da Fumaça. Há mais de 20 anos, a Nitro Química atuava na mineração.

A decisão pegou a comunidade de surpresa. Cerca de 130 postos de trabalhos diretos foram fechados. Além disso, o fechamento da empresa tem reflexo financeiro já que são R$ 150 mil a menos no movimento da economia na cidade. O impacto nos cofres da prefeitura podem ser ainda maiores.

O prefeito de Rio Fortuna, Silvio Heidemann (PP), admite que poderá suspender alguns projetos por conta da baixa na arrecadação, especialmente a médio prazo. “O reflexo financeiro, para o município, inevitavelmente vai ocorrer. Principalmente a partir do próximo ano”, avalia.

A empresa decidiu interromper as linhas de produção de ácido fluorídrico e de fluoreto de alumínio para concentrar a sua atividade industrial na produção de nitrocelulose e de ácido sulfúrico, na fábrica localizada em São Miguel Paulista, em São Paulo. Todos estes materiais são utilizados em siderúrgicas.