A diretoria da CDL Tubarão reuniu-se nesta quarta-feira (20) com representantes da Secretaria de Segurança e Guarda Municipal para alinhar ações com foco na segurança da cidade. Um dos assuntos abordados foi mais uma vez a situação dos moradores de rua.

Estima-se que cerca de 200 pessoas morem nas ruas do município atualmente. O número mais que dobrou nos últimos dois meses e tem despendido muito tempo de trabalho das forças de segurança.

Segundo a Guarda Municipal, pelo menos metade das ocorrências diárias tem relação direta com moradores de rua. E 99% dos abordados têm dependência química, o que dificulta que aceitem ajuda assistencial.

“Temos que centralizar a ajuda com a assistência social e conscientizar a população a não dar esmola”, destacou o inspetor da GMT Ronaldo da Rosa Damázio, que estava acompanhado do secretário de segurança Evandro Almeida, do diretor de trânsito Dionísio de Quadros, do diretor do departamento de multas Charles Conceição e o do diretor da Guarda Daniel Martins de Oliveira.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: CDL
Foto: Priscila Loch