Tubarão

A atualização e capacitação profissional é sempre um bom e necessário recurso quando o assunto é mercado de trabalho. Quem tem mais a oferecer sempre tem uma certa vantagem. No setor contábil, isto é ainda mais evidente. Tanto é que a capacitação profissional dos contabilistas da Amurel é uma aposta do Sindicato dos Contabilistas de Tubarão e Região (Sindicont).

“Com a velocidade da tecnologia e as mudanças na legislação tributária, temos que fazer um esforço para manter todos informados e treinados para os desafios enfrentados pelas empresas”, avalia o presidente do Sindicont, Marcos Freitas. “Para se ter uma ideia, apenas na semana de 13 a 17 deste mês, foram identificadas mais de 20 alterações na cobrança de tributos. Quinze delas na arrecadação do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias (ICMS)”, informa Freitas.

Com tantas mudanças, os profissionais precisam mesmo se atualizar. Este ano, o curso de escrituração fiscal abriu a série de encontros e treinamentos promovidos pelo projeto de Educação Continuada realizado pela Federação Catarinense de Sindicatos de Contabilistas (Fecontesc), Sindicato de Empresas de Contabilidade (Sescon) e pelo Conselho Regional de Contabilidade de Santa Catarina (CRC-SC), com apoio do Sindicont, em Tubarão. O curso teve mais de 30 participantes, que acompanharam atentamente a palestra do advogado paranaense Neomar Cordova.

“Um evento como este traz ao contador e ao contabilista uma atualização frequente. Este treinamento vai evitar erros que no fim das contas podem gerar multas aos clientes dos escritórios”, ensina Cordova. Carlos Abílio, do Escritório Contábil, de Braço do Norte, com 20 anos de atuação no mercado, participa de praticamente todos os cursos e treinamentos. Quando não vai, envia alguém do escritório. “Com tantas mudanças, os treinamentos nos permitem estar atualizados a fim de podermos prestar um serviço de maior qualidade. Mesmo quando não há novidades, evitamos que questões importantes caiam no esquecimento”, completa.

Para Maria Fragnani, contadora da Vesul há mais de 20 anos, a reciclagem e a atualização são muito importantes. “É preciso estar constantemente em busca de informações sobre a legislação e sobre as normas legais na área”, ensina. Fragnani é uma das que participou de todos os cursos e eventos promovidos pelo Sindicont nos últimos anos.