Lily Farias

Nesta semana, o pequeno Victor Gomes (5 anos) de Capivari de Baixo, teve um sonho realizado. Ele sempre quis ser policial militar, nem que fosse por um dia. Quem atendeu ao pedido do menino foi o tenente-coronel Dante da Costa Chierighini. 

Victor estuda na mesma escola que as filhas de Dante, um dia pegou carona com as meninas e o policial, e foi até ao quartel para ver como era a realidade de um militar. 

O menino teve a oportunidade de conhecer o batalhão de Tubarão, saber como é um quartel, a rotina dos policiais e pode entrar numa viatura. 

Mas entre os requisitos pra ser um policial de verdade é preciso aprender a prestar continência e Victor mostrou que tem talento pra se tornar um PM! “Ensinei ele na frente do espelho, mostrei todos os detalhes e ele aprendeu rapidinho”, conta o tenente-coronel.

Mas o momento mais marcante para Victor, conta Dante, foi quando conheceu a viatura por dentro. Lá ele pode ouvir o rádio comunicador, ligar as luzes de emergência e acionar as sirenes, sentindo-se um verdadeiro policial militar.

“Quando acionei a sirene ele não se conteve de tanta emoção! Foi gratificante ver a alegria do menino, não esperava tanto sentimento”.

No dia seguinte Victor deixou uma cartinha ao tenente-coronel pra agredecer à oportunidade, que com certeza, ele nunca mais vai esquecer. 

A mãe de Victor, Vanessa Gomes, disse que ele contou os detalhes da experiência com muita emoção e foi ela quem ajudou o filho escrever a carta.

“Ele pediu para escrever na carta ‘Senhor Estudante, gostariar de agradecer por me ensinar a ser polícia’, mas ele queria dizer Dante, foi engraçado. E hoje pediu até pra levar bolacha de presente pro PM”, conta Vanessa.