Adriana Rufino (em pé) convocou as agentes de saúde para auxiliar nas ações    -   Foto: Prefeitura de Capivari de Baixo/Divulgação/Notisul
Adriana Rufino (em pé) convocou as agentes de saúde para auxiliar nas ações - Foto: Prefeitura de Capivari de Baixo/Divulgação/Notisul

 

Capivari de Baixo
 
A localização de dois focos do mosquito da dengue, Aedes aegypti, no bairro Três de Maio, em Capivari de Baixo, deixou as autoridades de saúde em alerta máximo. Um raio de 300 metros a partir da área onde as larvas foram encontradas já foi vistoriado.
 
Nesta sexta-feira, a coordenadora de atenção básica da prefeitura, Adriana Rufino, convocou agentes comunitárias e profissionais do programa de combate à dengue para traçar ações preventivas.
 
O objetivo é impedir a entrada de novos focos do mosquito no município e reforçar as medidas de prevenção junto à população. A partir de agora, as agentes que efetuam as visitas estarão munidas de um formulário com perguntas para os moradores. 
 
Será questionado desde como é feita a manipulação do lixo até os cuidados nas casas com piscina. Para reforçar ainda mais as ações preventivas, o município recebeu um reforço nesta sexta-feira. 
 
Profissionais de Braço do Norte e Laguna reforçaram a equipe da Vigilância Epidemiológica de Capivari de Baixo, para auxiliar nas visitas aos moradores. Na próxima semana, um trabalho de conscientização será realizado no centro, em frente ao Ginásio Poliesportivo Juan Manuel dos Santos.