#Pracegover Foto: Dezenas de colegas do hospital onde o médico Reginaldo Boppré trabalhava, aplaudiram o cortejo do corpo, no carro da funerária

Os profissionais de saúde que trabalhavam com o médico angiologista Reginaldo Boppré, em um hospital de Tubarão, fizeram uma homenagem a ele na manhã deste domingo (30). Boppré tinha 65 anos e morreu em decorrência de Covid-19 neste sábado (29), à tarde.

Além do serviço que realizava no hospital, ele também atuava em outras instituições da Cidade Azul. Na filmagem, os colegas aparecem aplaudindo Reginaldo Boppré, segurando balões e uma faixa com uma frase em homenagem ao médico. O funeral passou em frente à casa de saúde.

Ele estava internado em um leito da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) desde o dia 18 do mês passado. Recentemente a família do médico fez um pedido de doação de sangue para repor o banco de sangue. Ele precisou fazer uma transfusão de sangue e o Hemosc estava com o estoque baixo. Era necessária a doação do tipo O+ ou O-.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul