Um mandado de busca e apreensão foi cumprido em Brasilia/DF, nesta quinta-feira (22). O homem é suspeito de efetuar montagens digitais de mulheres, simulando cenas de nudez, tendo como vítima uma moradora de Imbituba.

A operação foi deflagrada pela Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC) de Brasília/DF com o apoio do Instituto Criminalística. O registro do crime ocorreu em 2 de março deste ano.

A vítima, acompanhada de sua representante legal, compareceram na Delegacia de Polícia de Imbituba e registraram boletim de ocorrência. Em resumo, salientaram que um perfil ao que tudo indica “fake” passou a encaminhar mensagens para a vítima nas redes sociais, com ofensas e ameaças.

Além disso, o suspeito teria se apropriado de fotos da vítima constantes nas redes sociais e efetuado montagens, simulando cenas de pedofilia. AO criminoso também teria encaminhado as fotomontagens para conhecidos da vítima.

Logo após o registro da ocorrência, o setor de investigação da Delegacia de Polícia de Imbituba realizou uma série de diligências investigativas, e identificou o suposto autor, que criou o perfil “fake”.

De acordo com a investigação ele teria encaminhado as mensagens de uma residência de Brasília/DF, sendo assim, como o suspeito sequer conhecia a vítima, tratou-se, em tese, de uma escolha aleatória.

Diante das informações levantadas na investigação, o Delegado de Polícia de Imbituba representou pela concessão de mandado de busca e apreensão, o que foi deferido pelo Poder Judiciário de Imbituba após manifestação favorável do Ministério Público de Santa Catarina. Em seguida, o mandado foi encaminhado para cumprimento pela DRCC que contou com o apoio do Instituto de Criminalística.

Durante o cumprimento do mandado, foram apreendidos computador/celulares, os quais ainda serão periciados. De acordo com o Sr. Juliano Baesso, Delegado de Polícia que preside as investigações, foi apurado que não há nenhuma ligação/conexão entre os moradores da residência situada em Brasília/DF com a vítima de Imbituba.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul