Amanda Menger
Tubarão

Mais do que uma simples refeição. Um evento para ficar na memória de Tubarão e ainda ajudar três entidades beneficentes. Estes são os propósitos do Lugar de Homem é na Cozinha, promovido pelo Notisul. Na próxima quinta-feira, 13 empresários conhecidos em Tubarão e região se reunirão para cozinhar pratos deliciosos como paella, risotos, rocambole, entre outras iguarias.

Quem estiver interessado em participar deve correr para o telefone e garantir o seu lugar: dos 390 ingressos à venda, restam apenas 81. “O ingresso custa R$ 60,00 e pode ser adquirido no Notisul ou ainda pelos telefones 9924-8787 e 3301-2500. Quem não puder vir ao jornal, nós levaremos o ingresso até a pessoa”, afirma uma das organizadoras do evento, Letícia Matos.
Serão 13 estandes e cada ingresso dá direito a uma refeição. Haverá ainda bufê de acompanhamento. Como o cardápio tem pratos sofisticados, também haverá uma carta de vinhos selecionados.

Além de uma comida saborosa, o jantar será ‘embalado’ pela boa música de Luiza Balsini e banda. Outro sentido que será privilegiado será a visão: a KLR Design irá expor a sua linha de cozinhas; a Toyobras, as novidades em automóveis; já Construtora Corbetta, apresentará os seus empreendimentos imobiliários. Promotoras da Claro também participarão do evento que será transmitido ao vivo pela Unisul TV, no programa Conversa de Botequim, das 21 às 23 horas. Não esqueça: Lugar de Homem é na Cozinha será realizado na próxima quinta-feira, no Clube 29 de Junho, às 20h30min.

Recursos beneficiarão três entidades
Todo o dinheiro arrecadado com a venda de ingressos será revertido ao Albergue Noturno Pousada da Paz, Abrigo dos Velhinhos e Lar da Menina. Para o diretor do albergue, José Edgar Farias, o evento já é um sucesso. “Com certeza, irá faltar espaço. Desde já, agradeço a participação da sociedade e do Notisul, que promove o Lugar de Homem é na Cozinha. O evento entrará para o calendário da cidade”, propõe.
A presidenta do Abrigo dos Velhinhos, Shirley Mendonça, aguarda com expectativa a noite da próxima quinta-feira.

“As pessoas estão ansiosas porque o evento promete. Será muito legal, porque três entidades serão auxiliadas com os recursos”, afirma.
Para Norma de Souza Barbosa, a irmã Maria, diretora da educação infantil do Lar da Menina, mais importante do que os recursos é ver que a sociedade está engajada. “O dinheiro é bem-vindo, ainda mais no fim de ano, que nossas despesas aumentam. É bom saber que a nossa preocupação com a infância e a educação é compartilhada por outras pessoas”, observa.