Wagner da Silva
Braço do Norte

A campanha para o recolhimento do lixo radioativo, lançada na última semana em Braço do Norte, iniciou efetivamente ontem e a participação da população foi surpreendente. Mais de 20 locais de coleta estão cadastrados. O local cadastrado com maior peso de lixo radioativo como baterias de celulares e relógios, pilhas, fontes de impressoras e aparelhos eletro-eletrônicos. “Esta é uma forma de retirar este material do lixo comum e também conscientizar as pessoas sobre o mal que traz à natureza”, destaca a acadêmica de direito e idealizadora da campanha, Maria Goreti Kuerten Costa.

Ela chama atenção para os locais que arrecadam este tipo de material, mas não estão cadastrados. “A prefeitura fará a coleta apenas nos pontos cadastrados, por isso, é importante as pessoas entrarem em contato e efetuarem a inscrição”, enfatiza Maria Goreti. O recolhimento do lixo está previsto para o sábado da próxima semana.
A aceitação da campanha foi tanta que outros município da região entraram em contato com Goreti para também se engajarem na arrecadação. “A intenção é justamente essa: disseminar esta idéia de reciclagem para os bairros e outras cidades, para que mais pessoas criem o hábito de reciclar o lixo”, ressalta a idealizadora da campanha.