O correto é que todos coloquem os sacos de lixo na rua quando o horário da coleta do caminhão está próximo
O correto é que todos coloquem os sacos de lixo na rua quando o horário da coleta do caminhão está próximo

 

Karen Novochadlo
Tubarão
 
É fácil perceber o problema do descaso com o lixo em algumas ruas de Tubarão. Muitos lojistas precisam fazer uma boa faxina na frente das lojas antes de abrir as portas. E a maior parte desta culpa é a falta de educação das pessoas.
A proprietária da loja Mega Barato, Sandra Regina Freitas, relata que é difícil o dia em que não é necessário fazer uma boa limpeza em frente ao estabelecimento. Muitas pessoas deixam o lixo na calçada ao anoitecer, para ser recolhido somente no dia seguinte. Animais de ruas vasculham as sobras durante a madrugada. 
 
Hoje, no município, são coletadas mensalmente cerca de duas mil toneladas de lixo comum e outras 65 toneladas de reciclável. Um número que poderia ser ampliado.
 
Para o coordenador de meio ambiente Carlos Zamparetti, é preciso que se tenha colaboração de todos para garantir a limpeza das ruas. “Deveriam colocar o lixo na rua um pouco antes do recolhimento pelo caminhão de lixo”, explica Carlos. 
Hoje, os prédios mais novos já possuem coletores de lixo, para evitar justamente que o lixo fique acumulado na calçada. Mas os prédios mais antigos não possuem este tipo de equipamento. A secretaria de meio ambiente da prefeitura deverá cobrar ações dos condomínios. 
 
Quanto ao depósito de lixo em calçadas, a fundação de meio ambiente pede que as pessoas denunciem quem faça isso. Jogar o lixo de qualquer forma entope os bueiros, causa a proliferação de ratos e insetos, além de ser um crime ambiental.