Deputados Boeira e Zé Nei Ascari receberam a notícia da confirmação da pavimentação de mais um trecho da SC-439 em primeira mão do governador Raimundo Colombo  - Foto: Arilson Machado/Divulgação/Notisul
Deputados Boeira e Zé Nei Ascari receberam a notícia da confirmação da pavimentação de mais um trecho da SC-439 em primeira mão do governador Raimundo Colombo - Foto: Arilson Machado/Divulgação/Notisul

 

Zahyra Mattar
Grão-Pará
 
Uma das obras mais esperadas no Vale do Braço do Norte, a pavimentação do trecho da SC-439, entre Grão-Pará até a comunidade a Aiurê, sai do papel este ano. A garantia é do governador Raimundo Colombo. 
 
Ele confirmou que a licitação será lançada ainda neste semestre e o investimento será feito via Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). São 16 quilômetros de pavimentação, que beneficiará toda a região, especialmente os produtores rurais, que terão condições melhores de escoar as suas produções.
 
“É uma vitória, porque se trata de uma estrada de ligação importante entre duas regiões, a serra e o litoral”, valoriza o deputado estadual José Nei Ascari (PSD). Ele e o colega Jorge Boeira (PSD) foram informados em primeira mão da novidade.
 
Colombo também assegurou que a assinatura do convênio com o BID deve ocorrer nos próximos dias. Até o fim deste mês, o governador inaugura o trecho de 20 quilômetros da SC-439, entre Urubici até a Serra do Corvo Branco.
 
A obra contou com investimento total de R$ 36 milhões do estado. No momento, são feitos apenas alguns serviços complementares de urbanização e sinalização.
 
Com isso, faltará apenas viabilizar a obra mais cara e complexa: o asfaltamento da serra. No total, a rodovia, entre Grão-Pará e Urubici, tem pouco mais de 50 quilômetros. O projeto de pavimentação foi dividido em três segmentos.