Rafael Andrade 

Tubarão 

Desmitificar que o direito é algo feito somente para advogados, juízes, desembargadores, promotores, procuradores, oficiais… O tema é exercido no dia a dia de todos os cidadãos, que seguem as leis, os códigos e todo o regramento de uma sociedade democrática, politizada e comunitária. Assim, com um texto mais leve, dinâmico, participativo, atraente, porém com amplo embasamento técnico, o Notisul tem o prazer de apresentar o seu mais novo colunista. Graduado em Direito pela Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul), campus Tubarão, em 2005, o advogado Felipe de Souto, natural, morador e profissional atuante na Cidade Azul, a partir desta semana assina a coluna Leis e Ladainhas, que será veiculada todas as quintas-feiras. 

Felipe tem 14 anos de experiência no mercado. Ele atua, principalmente no ramo empresarial da advocacia, o que engloba o direito administrativo, tributário, trabalhista, cível e ambiental, mas entende muito bem dos diversos outros nichos do amplo campo do Judiciário, que cresce, fortalece-se e é, a cada ano, mais complexo, principalmente no Brasil, um país continental e de tantas leis criadas e recriadas por congressistas, como a recém-aprovada Reforma da Previdência. 

O colunista é sócio-fundador da Costa & Souto Advogados, com escritório em Tubarão. “É a primeira vez em um veículo de comunicação. Quero tratar de assuntos cotidianos que tenham alguma relação com o direito, porém de uma maneira mais fácil, sair um pouco desta estrutura, da visão que as pessoas têm que o direito é algo formalista, palavras difíceis, enfim… Sempre gostei de quebrar este paradigma, de falar de legislação com um foco agradável, até mesmo com humor. Eu, quando vejo um texto de advogado muito longo ou que cita vários artigos e/ou tem uma linguagem mais técnica, confesso que não leio ou paro no meio. E olha que sou do ramo. Portanto, a ideia da coluna é colaborar com o grande público”, pretende Felipe.